Poesia

Conto: Verdade

Na espera de algo acontecer, começou a ser ouvido o velho samba: “Sonho meu, sonho meu…”. A melodia foi interrompida por um coro: “Deixem eles quietos que podem voltar do túmulo”. Outrem entoou: “Desafinados, nunca foram enterrados, só os sonhos seus”. Angelyto

Conto: As same as

Saiu caminhando na direção do vazio, já quase chegando perguntou-se: “O que encontrarei lá?”. Ainda no meio de uma reflexão profunda deu outros quatro e meio passos, então parou e respondeu: “Exatamente o mesmo que tenho aqui: nada”. Avançou mais um e não foi visto mais. Angelyto